Total de visualizações de página

domingo, 16 de agosto de 2015

PARAÍSO: HOJE ou UM DIA? (Lucas 23:43)





PARAÍSO: HOJE  ou  UM DIA?  (Lucas 23:43)






A "Sociedade Torre de Vigia de Bíblias e Tratados", dos testemunhas-de-jeova (TTJ), MUDOU A PONTUAÇÃO DE LUCAS 23:43 em sua “bíblia particular”, para afirmar que, quando o ex-malfeitor morreu, não foi direto ao Paraíso, mas ficaria dormindo aguardando o dia da ressurreição geral, quando então estaria no dito Paraíso, cumprindo-se assim a palavra de Jesus, embora de forma tardia (este é o mesmo ensino dos adventistas). Isto foi feito para que o texto adapte-se à doutrina russelita que diz que, quando o homem morre, a sua alma (ou espírito) fica dormindo, ao que chamam de "o sono da alma". Agora compare as duas traduções das Escrituras:


1. “BÍBLIA SAGRADA” por J. Ferreira de Almeida - Ed. Revista. e Atualizada:
2. “TRADUÇÃO DO NOVO MUNDO” pela Sociedade Torre de Vigia  (1986):
Jesus lhe respondeu: Em verdade eu te digo que hoje estarás comigo no paraíso
E lhe disse: “Deveras eu te digo hoje:* estarás comigo no paraíso.”



O problema acima é saber qual das traduções está de acordo com o original, pois A Bíblia Sagrada dá a entender que no mesmo dia o pecador arrependido estaria com o Senhor no Paraíso. Mas a Tradução do Novo Mundo dá a entender que UM DIA (assim interpretam as TTJ) ele estaria com Jesus no Paraíso.

Como podemos notar acima, na Trad. NM, logo após a palavra HOJE, há dois pontos (:), onde na versão com Referências é seguido de um asterisco (*) e onde há uma nota de rodapé explicando:

LU 23:43* "Hoje.” Embora W[estcott] H[ort] coloque uma vírgula no texto grego antes da palavra "Hoje", nos MSS unciais gr. não se usavam vírgulas. Em harmonia com o contexto, omitimos a vírgula antes de "Hoje".

O interessante é eles afirmarem ter omitido a vírgula em harmonia com o contexto, mas que, no texto do "original inglês" da NM, a vírgula é acrescentada depois de "Hoje", onde na portuguesa há "dois pontos"! Não é pela harmonia com o contexto, mas sim pela sua doutrina particular, corrompida. Se no original grego não havia vírgula, também não havia "dois pontos", conforme é acrescentado na NM. Se eles usam o texto grego de Westcott & Hort para a revisão da sua "tradução", então deveriam revisá-la conforme este texto, e não conforme a sua conveniência. Além do mais, a "vírgula é uma pontuação importante em nossa escrita moderna, fato pelo qual a "Tradução do Novo Mundo", está cheia delas. Agora veja o texto grego usado pela STV, onde acrescentamos  transliteração e tradução interlinear ad litteram:


καὶ
εἶπεν
αὐτῷ
Ἰησοῦς
Ἀμήν
λέγω
σοι
kai
eipen
autō
ho
Iēsus
Amēn
legō
soi
E
DISSE
LHE
O
JESUS
AMÉM
DIGO
A TI


σήμερον
μετ ἐμοῦ
ἔσῃ
ἐν
τῷ
παραδείσῳ
sēmeron
met'emu
esē
en
tō
paradisō
HOJE
COMIGO
ESTARÁS
EM
O
PARAÍSO
  
E assim podemos ver que o texto da Bíblia Sagrada está mais de acordo com o grego, do que a Tradução do Novo Mundo. Está mais de acordo com a mensagem original colocar a vírgula (ou os "dois pontos") antes da palavra "HOJE", do que como fazem as TTJ, pelos seguintes motivos:

(1) A palavra "HOJE" ligada ao verbo DIZER, como apresenta a Trad. NM, é supérflua, pois Jesus não poderia dizer ontem e nem dizer amanhã, e era lógico que Ele só poderia referir-se  àquele dia;

(2) Enquanto que "HOJE ESTARÁS COMIGO", está de acordo com a mensagem original, pois dá ênfase ao tempo em que eles estariam no Paraíso, ou seja, naquele mesmo dia;

(3) O Senhor Jesus nunca usou esta expressão: "Em verdade te (ou: vos) digo hoje...”, mas sim, "Em verdade, te (ou: vos) digo...” e só depois completaria a Sua afirmação. Confira no parágrafo seguinte.

(4) É somente nesta passagem que "eles" colocam os  "dois pontos" após a palavra seguinte ao verbo DIZER (no caso "Hoje"), e isto por conveniência, pois nas demais passagens onde esta mesma expressão é usada, eles colocam a acentuação conforme Westcott e Hort, ou seja, logo após o verbo "dizer", como podemos notar em três exemplos, em sua própria tradução usada até 2014, comparando com o "seu" texto particular de Luc 23.43, com destaques acrescentados:  
0- Deveras,  eu  te  digo hoje: "Estarás comigo no paraíso.” (TNM de 1984)
0- Em verdade, eu  lhe digo hoje: "Você estará comigo no paraíso.” (TNM de 2015)


1- Deveras, eu te digo: Hoje, sim, esta noite, antes de o galo cantar duas vezes... (Mar. 14:30);

2- Deveras, eu te digo: Esta noite, antes de cantar o galo... (Mat. 26:34);

3- Deveras, eu vos digo: Quem não receber o reino de Deus... (Luc. 18:17);

4- Deveras, eu vos digo: Esta geração de modo algum passará... (Luc. 21:32);

5- Deveras, eu vos digo: No Dia do Juízo será mais suportável... (Mat. 10:15)





A Palavra de Deus nos mostra que o Paraíso (Jardim do Éden), foi lançado no Sheol (gr.: Hades) muito depois da queda, conforme  Ezequiel 31:15-18, fato pelo qual podemos compreender porque Cristo, ao morrer, foi ao Hades, levando um pecador arrependido ao Paraíso, (At. 2:31; Luc. 23:43) por fazer este fronteira com o Inferno, mas separados por um grande abismo. (Luc. 16:22, 23, 26) Mais detalhes: http://cacerege.blogspot.com.br/2011/09/o-inferno.html


Outros mortalistas (que também creem na mortalidade da alma) ensinam que Atos 20.26 segue o padrão verbo+pronome+advérbio de Lucas 23.43 onde também é usado o advérbio HOJE, mas também É MENTIRA! O texto original diz: διὸ μαρτύρομαι ὑμῖν ἐν τῇ σήμερον ἡμέρᾳ, ὅτι καθαρὸς ἐγὼ ἀπὸ τοῦ αἵματος πάντων (Atos 20.26) = "Portanto declaro a vocês em o dia de hoje que limpo estou do sangue de todos" (tradução literal). Não é o mesmo padrão de Lucas 23.43:  Ἀμὴν λέγω σοι, σήμερον μετ᾽ ἐμοῦ ἔσῃ ἐν τῷ παραδείσῳ = "Amém digo a você hoje estarás comigo em o paraíso." (tradução literal). Totalmente diferente.

Agora veja o que está escrito em seu livro O Homem em Busca de Deus, capítulo 133, sobre o paraíso terrestre:
Como um TJ imagina a "crucificação"


Sob a direção de Jesus e de seus reis associados (isto é, os 144 mil), os sobreviventes do Armagedom eliminarão as ruínas deixadas por essa guerra justa. Provavelmente os sobreviventes terrestres também terão filhos por algum tempo, e estes participarão no deleitoso trabalho de transformar a terra num magnífico jardim semelhante a um parque.
Com o tempo, Jesus tirará dos túmulos incontáveis milhões de pessoas para usufruírem esse lindo Paraíso. Fará isto em cumprimento de sua própria garantia: "Vem a hora em que todos os que estão nos túmulos memoriais... sairão.”
Entre os que Jesus ressuscitará estará o ex-malfeitor que morreu ao seu lado na estaca de tortura. Lembre-se de que Jesus prometeu-lhe: "Deveras, eu te digo hoje: estarás comigo no Paraíso.” Não, esse homem não será levado para o céu para governar como rei com Jesus, nem Jesus se tornará outra vez homem para viver na terra paradisíaca com ele. Antes, Jesus estará com o ex-malfeitor no sentido de que o ressuscitará para a vida no Paraíso e cuidará de que as necessidades dele, tanto físicas como espirituais, sejam atendidas...
No Novo Mundo, toda pessoa poderá então decidir, sob condições perfeitas, se adorará ao Deus verdadeiro, Jeová, ou se perderá a vida como opositor. (“O Homem em Busca de Deus”, pág. 359) 

Essa é mais uma estorinha para enganar criança contadas pelas TTJ.

As TTJ falam muito sobre o ARMAGEDON, mas nem mesmo acreditam na literalidade deste lugar do qual fala a Bíblia em um só versículo: Apoc. 16:16.

A palavra Armagedom (heb.: HAR MEGHDON) significa: Monte de Megido. É um pequeno monte de uns 21 metros de altura, onde se encontram as ruínas da antiga Megido, sendo um local estratégico e fortemente guarnecido pelo exército de Israel atualmente.

Mas as TTJ negam a realidade deste monte, dizendo que ele não existe, ou seja, não é um lugar literal, mas uma condição ou situação de todos aqueles que se opõem a Deus (Raciocínio..., págs. 44 e 45).

Ora, para os judeus, não é preciso haver uma grande montanha para que tenha o nome de "monte" (exemplo: Gên. 31:46ss; Zac. 14:4, etc.), ou haver um grande mar oceânico para que tenha o nome de mar, a exemplo do Mar da Galiléia, que na verdade é um LAGO (o Tiberíades). As TTJ erram até na geografia bíblica.

Agora note o engano das TTJ sobre o paraíso terrestre descrito acima:
(1) Jesus e os 144 mil serão os inspetores dos sobreviventes da guerra do Armagedom que irão limpar o planeta Terra das ruínas deixada por esta grande guerra. (???) Haja trabalho com  tratores e caçambas!

(2) Conjeturam: "Provavelmente os sobreviventes terrestres também terão filhos por algum tempo". Também, na página seguinte: "...a situação será exatamente como Deus tencionara de início, quando ordenara ao primeiro casal humano, Adão e Eva, que se multiplicasse e enchesse a terra.” Mas em seu antigo livro Seja Deus Verdadeiro, às páginas 263 e 264, não há conjeturação, mas esta afirmação: "Então eles se casarão e terão filhos em justiça... permanecerão não apenas mil anos... mas para todo o sempre. (???) Mas hoje elas afirmam que os "paradisíacos" terão filhos por algum tempo... E quando deixarão de tê-los, se é que terão? Só se for depois, quando o paraíso terrestre estiver super povoado, é que a "negada" ou vai se operar, ou tomar anticoncepcional! Ora, o Senhor Jesus nos disse que "na ressurreição nem se casam nem se dão em casamento; são, porém, como os anjos do céu.” (Mat. 22:30; Luc. 20:35) Os anjos são assexuados, ou seja, não têm sexo, e por isso, não se reproduzem. Assim serão os humanos na ressurreição.

(3) Quem pecar no paraíso será imediatamente exterminado como opositor, segundo uma estória contada pelas "testemunhas" de jeová em “O Homem em Busca de Deus”, pág. 359. Quer dizer que haverá pecado e morte ainda no paraíso restaurado? Essa não! Dando prosseguimento ao que se falou acima, o Senhor disse sobre os que alcançarão a ressurreição: "Pois não podem mais morrer, porque são iguais aos anjos, e são filhos de Deus, sendo filhos da ressurreição.” (Luc. 20:36)

(4) Negam até o que está escrito em sua tradução espúria de Lucas 43:23, ou seja, que Jesus estaria literalmente com o ex-malfeitor na ressurreição, mas dizem que, com o tempo, o ressuscitará (assim como a incontáveis milhões) e cuidará dele desde os céus. A Palavra de Deus nos diz que Jesus estará com os salvos, e será o Primogênito entre muitos irmãos. (1Tes. 4:15-17; Rom. 8:29)

Há, uma coisa, amados, que não devemos esquecer: Deus criará um novo Céu e uma nova Terra literais, onde haverá o Paraíso Celeste, a Nova Jerusalém, ataviada para o seu Noivo que é o Senhor Jesus Cristo, e onde o próprio Deus Pai habitará para sempre, e enxugará pessoalmente toda a lágrima que foi derramada pelos seus filhos conforme nos diz Apocalipse 21:1-5 e 22:1-5. No cap. 21, a partir do verso 9 até o cap. 22, verso 5, há uma descrição pormenorizada da Cidade Celestial que um dia descerá à Nova Terra, trazendo consigo a árvore da Vida (22:2) e o trono de Deus e do Cordeiro, de onde sai o rio da água da vida, cristalina. (vs. 1 a 3) E assim cumprem-se as palavras das Escrituras que diziam:

"Mas os mansos herdarão a terra, e se deleitarão na abundância de paz.” (Sal. 37:11) Também: Mat. 5:5.

É por isso que o Senhor Jesus, nas bem-aventuranças, falava que os mansos, humildes, pacificadores, ora herdariam a terra, ora herdariam o reino dos céus, em Mateus cap. 5, pois no final das contas é a mesma coisa, pois OS CÉUS DESCERÃO À TERRA. (Apoc. 21 e 22)

Por enquanto, o reino dos céus não está visível em nosso meio, pois a Bíblia diz que “o reino de Deus não é comida nem bebida, mas justiça, e paz, e alegria no Espírito Santo.” (Rom. 14:17)

Mas, ao referir-se ao Reino de Deus, está escrito no livro CONHECIMENTO que conduz à Vida Eterna (1995) editado pelas TTJ:

Segundo certa tradução das palavras de Jesus a iníquos fariseus, ele disse: "O reino de Deus está dentro em vós.” (Lucas 17;21, Almeida, Atualizada) Queria dizer Jesus que o Reino estava dentro dos iníquos corações daqueles homens corruptos? Não. Uma tradução mais exata do grego original, diz: "O reino de Deus está no vosso meio.” (Tradução do Novo Mundo)

Mais uma vez vamos provar quão mentirosos são os testemunhas-de-jeová, pois dizem que na tradução do Novo Mundo, o texto que diz "O reino de Deus está no vosso meio" está melhor traduzido que o de Almeida-Atualizada que diz: "O reino de Deus está dentro em vós.” (Lucas 17;21) Para tal, vamos usar o texto grego interlinear usado como base para a revisão da trad. NM, e editado pelas TTJ. Conforme a tradução sublinear em inglês, a palavra grega entoV (ENTOS ) tem como significado INSIDE. Ora, quem conhece o mínimo suficiente do idioma inglês sabe que INSIDE (pron.: insáid) como substantivo significa: interior, interno; como advérbio: dentro, por dentro; e como preposição: em, dentro de, no interior. Estas são algumas das traduções possíveis da palavra grega ENTOS, que só aparece mais uma vez no NT grego em Mateus 23:26, onde na trad. NM está traduzida corretamente pelo composto: "por dentro". A palavra grega ENTOS só é traduzida de forma diferente em Lucas 17:21 na versão das TTJ por conveniência, para afirmarem que somente elas são parte do "reino" que está entre os homens.

Embora seja possível dizer que o reino de Deus esteja “entre” ou “no meio” dos homens, pois essa presença se faz através de sua Igreja, dos seus fiéis, o reino de Deus está dentro do homem no sentido de que Deus “pôs a eternidade no coração do homem” (Ecl. 3:11). Embora com sua natureza corrompida, o homem não deixou de ser a imagem, semelhança de Deus. (Tiago 3:9)

Assim sendo, as versões bíblicas baseadas na tradução de J. F. de Almeida estão realmente mais de acordo com o grego que a versão Novo Mundo, onde podemos comprovar pelos próprios escritos das TTJ.

Ora, quando Jesus disse que "O reino de Deus está dentro em vós", apresenta a ideia de um novo estado no ser humano, uma nova condição interna, espiritual, pois quem é nascido de novo, através do Espírito, tem uma nova natureza espiritual, e Deus lhe governa o íntimo. (Rom. 14:17; 1Co.4:20; Col. 1:13) É por esta razão que Ele disse: "Não vem o reino de Deus com visível aparência. “Nem dirão: Ei-lo aqui! ou: Lá está! porque o reino de Deus está dentro em vós.” (Lucas 17:20b, 21 - grifo acres.)


Como os antigos TJ imaginavam a crucificação no livro Criação Pg. 225
As TTJ iludem os seus ouvintes tentando "pescá-los" para a sua seita usando livros e folhetos com várias ilustrações de pessoas risonhas, muitas flores, frutas, etc., falando a respeito de um lindo paraíso onde eles poderão rever os seus entes queridos falecidos, e ainda usam como artimanha para o seu proselitismo,  uma verdadeira "saladas" de passagens bíblicas fora do seu contexto para descrever o tal paraíso. Ao conferir tais passagens, podemos ver o verdadeiro significado de cada uma lendo os versos anteriores e posteriores a estes. Por exemplo, no livro CONHECIMENTO que Conduz..., cap. 1, parág. 3, pág. 10, ao descrever a vida no paraíso restaurado, um dos textos usados é este: "Florescerá o justo e a abundância de paz até que não haja mais lua.” - Salmo 72:7. Ora, este é um salmo composto por Salomão, pedindo a Deus um reino pacífico para ele e sua descendência. Sobre o rei, o salmista, em forma poética, diz: "Ele permanecerá enquanto existir o sol, e enquanto durar a lua através das gerações.” (verso 5) Embora muitos o considerem um salmo messiânico, algumas passagens deste salmo não podem aplicar-se a Jesus, nem ao Paraíso restaurado pelo seguinte fato: o rei do salmo permanecerá enquanto existir o sol e a lua... Ora, ao apóstolo João foi revelado que na restauração de todas as coisas, quando o paraíso de Deus com a Cidade Santa descer sobre a terra, não haverá mais necessidade nem do sol, nem da lua para lhe darem claridade, pois a glória de Deus a iluminará, e o Cordeiro será a sua lâmpada. (conf.: Apoc. 21:23; 22:5) O reinado de Cristo é eterno, ou seja, existirá para todo o sempre. (Luc. 1:32,33) Em todos os textos apresentados pelas TTJ, pouco ou nenhum fala do dito paraíso, se lido o seu contexto. Embora elas iludam os seus prosélitos de que verão os seus entes queridos ressuscitados no “seu paraíso particular”, se eles se tornarem testemunhas-de-jeová, mas, segundo doutrina da seita, só ressuscitará aquele que morreu como uma TJ. Assim sendo, segundo a lógica russelita, nem todos realmente verão os "seus mortos". Mas elas não dizem isso de "primeira" para não espantar o "freguês"!

A Bíblia Não ensina que só faz parte do reino de Deus ou que só será salvo e ressuscitará aquele que pertenceu a uma igreja ou religião específica, pois não é placa de denominação religiosa que salva, mas sim, a fé de quem aceitar a Jesus Cristo como seu único e suficiente Salvador e Senhor. (João 3:16; Atos 16:31; Romanos 10:9, 10) Amém!

E assim desmorona mais um castelo de areia das falsas testemunhas-de-jeová, pois vemos que também o seu conceito sobre o céu e o dito paraíso terrestre é antibíblico, demoníaco e mentiroso.


 
*        *        *
  
Do meu livro a ser publicado: "SEJA A PALAVRA DE DEUS VERDADEIRA (e mentirosa a "Tradução do Novo Mundo" dos testemunhas de jeová)
 


Por: Luís Antônio Lima dos Remédios - o Cacerege
luis-agape@hotmail.com
cacerege@gmail.com
Manaus - Amazonas - Brasil


______________________________________________________


Estudos já postados:

01- O Novo Testamento NÃO Foi Escrito em Hebraico e/ou Aramaico

02- O espiritismo segundo [alguns] “evangélicos”

03- Adultério do Coração

04- Santa Ceia: vinho ou suco de uva?

05- O Dia do Senhor: Sábado ou Domingo?

06- O Que a Bíblia Diz Sobre a Idolatria

07- Deuterocanônicos ou Apócrifos?

08- A divisão das horas do dia nos tempos bíblicos

09- O Inferno

10- Deus e deuses

11- 30 Razões Porque Não Guardo o Sábado

12- O Nome JESUS

13- O Verbo era um deus?

14- A Divindade de Cristo negada entre colchetes

15- Cruz ou estaca de tortura?

16- YHWH – Um Nome que será esquecido para sempre
  
17- Alma, corpo e espírito

18- A Peshitta confirma o Novo Testamento grego – 01- CAMELO ou CORDA?

19- A Peshitta confirma o Novo Testamento grego – 02- LEPROSO ou FAZEDOR DE JARROS?

20- Paraíso Hoje ou Um dia?

21- Adultério Virtual

22- KeNUMÁ e os modalistas nazarenos

23- A Virgem Que Concebeu

24- O Tetragrama na Septuaginta Grega (LXX)



Obs.: É permitido a copia para republicações, desde que cite o autor e as respectivas fontes principais e intermediárias.

  
Por: Luís Antônio Lima dos Remédios

Luís - ܠܘܝܣ - לואיס - Λουις



Gostou? Comente.




Nenhum comentário: